Fardas

06/11/2016

O campino domingueiro


O traje do campino domingueiro era usado pela criadagem dos grandes criadores de gado que vestiam os seus campinos para lidar o gado na festa do barrete verde em Alcochete, realizada em meados de Agosto assim como a festa do colete encarnado em Vila Franca de Xira realizada no primeiro fim de semana de Julho.

Camisa branca, com colarinho de ‘Padre’. Calção azul até pouco abaixo do joelho, decorado com botões cromados na anca e junto ao joelho, com meia branca bordada à mão até ao joelho e sapato preto com pala virada para fora, a tapar os atacadores e juntamente com as esporas. Colete vermelho, nas costas um bordado preto, com o desenho da ferradura do cavalo. Cinta vermelha bem apertada à cintura. Na cabeça, um barrete verde com uma barra vermelha. Jaqueta da cor e do mesmo tecido do calção, também decorada com botões cromados. E não esquecendo o seu pampilho (vara) de campino.

traje_1 traje_2

A campina domingueira

O traje da campina domingueira era um traje que servia para ir às festas. Eram trajes vistoso e garrido, com aventais geralmente bordados e usava-se com o lenço.

Blusa branca com alguns bordados no peito. Avental preto arredondado com bordados, meia branca bordada á mão e sapato preto com a pala virada para fora, a tapar os atacadores. E não esquecendo a sua foice.

traje_3


Les commentaires sont fermés.